30/04/2011

Plágio: uma das coisas que motivam a parar de blogar...

Sabe quando a gente lê, p ex., naqueles livros universitários, na contracapa, que sua cópia é proibida e a gente faz a cópia do livro assim mesmo lá na velha maquininha xerox? Ou ainda, quando a gente compra um dvd, um cd, ou um jogo de playstation pirata lá na esquina? Pois é... hoje eu sei como se sente a vítima desses plágios.
Agora foi a minha vez de ser pega! E olha, vou te contar, dá uma tristeza, viu?! É algo que nos deixa decepcionada. Quem tem blog que já foi copiado descaradamente, sabe do que falo.
A minha história, com a minha copiadora-coladora-enroladora-enganadora comecou ano passado. Ela me enviou um email super simpático, elogiando os textos que lê aqui e no meu outro blog. Respondi  gentilmente e logo depois ela enviou um outro email falando que tinha  um blog. Me enviou o link e já de antemao, pediu que eu nao ficasse com raiva. O blog dela era cheio de textos meus. Na hora, nem fiquei chateada, mas expliquei pra ela o porquê de aquilo nao ser correto. Ela disse que nao sabia (coisa que na verdade, eu nao acreditei) pediu desculpas e falou que já tinha deletado o blog.
Bom.
Passou o tempo, e neste mês de abril eu fui pega novamente de surpresa. A tal moca ainda continuava com seus plágios, tinha criado outros dois blogs, um deles, cópia fiel deste aqui que você lê agora. O blog se chamava Blog de Mae e Filha (!!!). O layout nao era parecido, mas a disposicao de todos os gadgets (esses textos e imagens que você lê do lado direito do blog), era parecidíssima com a minha. Os títulos dos gadgets, eram idênticos! O perfil dela, era exatamente como eu me descrevia em uma das páginas em que eu me apresentava aqui (e acabei tirando). Mas o mais impressionante eram as postagens. Seu blog nao era novo,  já havia muitas postagens, mas eu posso dizer que de tudo que havia ali, pelo menos 80% era meu! Ela mudava nomes, cidades, datas, mas TODO o resto era meu. Ela chegou a copiar textos dos meus dois blogs. Ela chegou a usar um dos textos que mais gosto, sobre a casa da minha avó (!!!!!!!!! cara, essa mulher mexeu com uma das coisas mais preciosas da minha vida, a memória que tenho da minha avó!!!!!!!!!!!! ofensa pra mim nao poderia haver maior!). Antigamente, eu tinha um gadget entitulado meus posts mais queridos... e tinha ali alguns dos textos que mais gosto, como por ex., rainha do lar, ou em busca da simplicidade, pois bem, a plagiadora tinha o mesmo título do gadget, e as mesmas postagens em questao, com acréscimo de mais alguns textos meus, e alguns que ela mesma escreveu (se bem que eu já nem sei se era ela mesma quem escrevia, desconfio que nao, acho que ela, claro, nao copiava só de mim).
Sabe esse selinho que tem aqui do lado, do myfreecopyright? Pois é, eu entrei nesse site pra "legalizar" meu blog, ou seja, ali eu comprovo, inclusive judicialmente se precisar,  que o blog sou eu mesma quem escrevo.  Fiz isso quando percebi as cópias que ela andava fazendo. Sabe o que aconteceu? No outro dia, lá estava o mesmo símbolo no blog dela, com a seguinte frase: este blog é meu e nem se atreva a mexer nele, ou algo assim... dá pra acreditar em tamanha cara de pau??????
Ela copiou tantos, tantos, mas tantos textos meus, até os que falo sobre meu bebê (ela tem também três filhos) algo tao pessoal, como este  que escrevi quando voltei a postar depois do parto. É tao desagradável que chega até a doer ver algo que você tao carinhosamente escreveu pro seu filho, de repente, sendo copiado e colado  assim, de forma tao mau caráter. 
Acho isso tao triste! Por que sei que  essa moca tem sentimentos parecidos com os meus... mas o que ela faz, é tao cretino, tao desmotivador...

Ela se dizia grande admiradora dos meus textos, por isso tinha feito isso no primeiro blog, poxa, acho isso muito legal!!! Tao bacana saber que alguém gosta do que você escreve! Nao vejo nenhum problema alguém levar pra si o que lê aqui, p. ex., mas custa colocar referência???? Isso ela nunca fez. Ela me seguia (segue) anonimamente. Claro, se ela seguisse o blog publicamente, correria o risco de ser descoberta.
Pra você ter uma ideia, ela levou desenho meu que faco no blog da menina feliz e apagava a minha assinatura do desenho. Ela nao poderia deixar nenhuma marca minha pelo blog, ela nao poderia deixar sua máscara cair diante de seus leitores. Que aliás, cresciam vertiginosamente à custa do suor e criatividade dos outros. Foi por causa dela que bloqueei a selecao de textos nos meus blogs. Sabe quantas vezes ela chegava a vir aqui por dia?? O incrível número de 50 vezes por dia! Tinha dias que era mais, tinha dia que era menos... mas é uma coisa absurda, nao é??
Eu a estava observando, pra ver até onde ela iria, eu nao sei, nao tenho ideia se um dia ela iria acabar com aquela farsa, mas tava observando. Aí nao aguentei mais, aquilo já tava virando palhacada, disse pra mim mesma que bastava e escrevi um email pra ela falando que eu iria denunciá-la caso ela nao deletasse todos os posts que ela sabia, pertenciam a mim. Dois dias depois, seu blog estava deletado. E foi exatamente no dia que eu já estava preparando o formulário de envio ao blogger pra denunciar a impostora. Nem sei se ela de fato deletou, vindo dela já nao acredito em mais nada! Ela chegou a um ponto que até mesmo, comentar em outro blog usando palavras minhas de um post, ela fez!!! Gente, a mulher comentou num formulário de comentário num blog de alguém, com palavras tiradas de um post meu! Que é isso minha gente??
Eu preciso confessar que tenho vontade de escrever esse post todo em letras garrafais, porque é essa a vontade que tenho ao lembrar das coisas que vi a mulher fazer, vontade de gritar, é muito chato isso tudo.
Tenho que agradecer as dicas incríveis que tanta gente boa coloca em seus blogs pra auxiliar blogueiros de boa fé. A  Elaine Gaspareto, p. ex., com sua série de dicas para blogs foi uma mao na roda e esse texto ótimo, dessa moca aqui, me ajudou a abrir os olhos, em uma das partes de seu texto ela fala: "
Muitos dos plagiadores são pessoas aproveitadoras, preguiçosas e oportunistas, que teem ciência de que estão fazendo algo errado. Portanto DENUNCIE!" . E ainda essa aqui, que me fez até sentir vontade de acabar de vez com o blog. Mas isso eu nao vou fazer... porque sei que é exatamente isso o que p. ex., a minha plagiadora gostaria, assim ela ficaria sendo a dona das palavras roubadas.

Pra quem nao tem blog, pode estar estranhando toda essa quantidade de texto chateado, superlativo, exclamativo sobre algo que parece tao sem importância, mas quem tem blog ou é dono de qualquer outra obra, quem dá seu melhor pra criar alguma coisa, entende o porquê da minha chateacao com essa história.

Veja bem, eu nao sou ingênua de pensar que algo na internet pode ser só meu, eu sei da fragilidade disso aqui e a partir do momento que você tem uma página na internet, você está sujeito a coisas como essas, mas é que essa acao é tao nojenta, tao mesquinha e tao cara dura, que nao tem como nao ficar chateado. Que nao tem como nao comentar sobre. O que me chateia nisso tudo é que a minha plagiadora parece alguém legal, inteligente até, bacana, divertida, boa mae, esposa carinhosa, aí eu fico pensando se ela nao se preocupa com o exemplo que está passando aos filhos, sabe? Será que nao pesa a consciência ao dormir? Pesa nada, né??

Bem, a única intencao com essa postagem enorme, além de desabafar, é avisar a você, caro blogueiro de boa fé, pra ficar de olho em pirataria, existem muitos blogs que auxiliam você com dicas ótimas, pra evitar esse tipo de patifaria com as suas criacoes. Recomendo a Elaine, que com jeito simples e divertido, ensina direitinho como agir. E caso você encontre alguma coisa sua sendo covardemente copiada, denuncie! O blogger está aberto pra receber sua reclamacao e é muito rápido na luta contra plágio.
E pra você, caro plagiador, copiador, bandidinho barato de textos alheios, tenha vergonha na cara! E mais uma coisa que um dia a Elaine falou e que VOCÊ, que sabe sobre o que estou falando, vai entender: anônimo, nós sabemos quem é você! Nós conhecemos todos os seus passos.
Nao esqueca que nao existe anonimato na internet, meu caro anônimo burrinho!

33 comentários:

  1. Nina, boa noite
    Poxa, senti seu post como se fosse comigo tudo o que você passou. Que cretina essa mulher. Bem vi que os blogs foram deletados. Mas ela volta, baratinhas sempre voltam, essa praga.
    É muito chocante e assustador pensar em alguém perseguindo a gente desse jeito. E concordo 100% com você, são textos pessoais, que contém sentimentos, e portanto é uma violência alguém roubar da gente.
    Eu sempre digo que tem que denunciar. Eu sempre denuncio. Não fico procurando pra não me aborrecer, mas quando cai no meu colo eu denuncio. Esses dias foi um rapaz, que fez o blog dele inteiro com posts meus. Safado, denunciei e o blog foi removido pelo Blogger. Funciona mesmo.

    Querida, se precisar de mim estou aqui. Lamento que você tenha pasado por isso, mas infelizmente ninguém está livre.
    Beijosssss

    ResponderExcluir
  2. Meu Deus Nina,nao posso nem imaginar como voce deve ter se sentido, Invadida, revoltada, impotente. Essa mulher ja virou uma "stalker".
    espero que ela pague de alguma maneira por isso.
    Mas o mais importante ela nao tem e nunca terá, a sua mente, a que pode transmitir em palavras todas as experiências e lembranças.
    Bjs e força amiga!!

    ResponderExcluir
  3. Ahhhhh...e nao para de blogar naaaao!!

    ResponderExcluir
  4. Nina

    Minha querida amiga, sinto muito não tenho nem palavras, mas quero que saiba que te apoio estou contigo nós que somos blogueiras sabemos o quanto é revoltante. mas vc deveria ter dito Nina quem é essa pessoinha, mesquinha e sem criatividade para que nós pudessemos conhece-la e não cairmos por acaso em um blog dela plagiado.


    beijo bem grande !!

    ResponderExcluir
  5. Nina isso mexeu com meus nervos.Sei como se sente porque cada texto é como um parto.Muitas vezes demora para sair,ficamos gerando ele dentro de nós e quando parimos(escrevemos)estamos dando vida a algo importantíssimo para nós, mesmo que o mundo não goste,é um fruto nosso e amamos.Doi muito.Quanto as pessoas,infelizmente por termos carater,achamos que todos os tem,mas é um grande engano.EU tinha uma comunidade no orkut para reunir algumas mães que tb tinham perdido seus filhos.Como eu a tinha bloqueado por conta das cartas anonimas que me mandava,ela fingiu que tambem perdera um filho para entrar na comunidade.Colocou até uma foto do filho(vivo)como falecido no album para ganhar credibilidade.Pois é,uma mãe que é capaz de fazer isso somente para besbilhotar a vida de outra na internet,imagine o que não se faz por aqui.....Sinto muito e vamos nos unir contra esses larápios internautas.Não fica triste,o brilho dessas pessoas serão facilmente ofuscados pela verdade.Abraço

    ResponderExcluir
  6. Nina, há certas coisas que não posso entender, o plágio é uma delas. É um auto engano, uma farsa encenada para si próprio. Se alguém não tem o dom da escrita, que não tenha um blog, há muitas outras redes socias na internet, pode-se ter uma conta no twitter ou no facebook, por que usar desse artifício e se passar por algo que não é? Parece-me doentio. Talvez essa pessoa seja solitária e espelhe-se em você para dar sentido a uma vida tediosa mas esse não é o caminho e apenas uma ilusão... Espero que essa situação tenha sido resolvida e que ela tenha parado de lhe importunar. Por favor, não pare de blogar, nós lhe amamos!
    Beijo
    Adri

    ResponderExcluir
  7. Nina, escrevi, escrevi e escrevi, mas o blogger deu erro e puf...então vou catar um comentário e copiar e colar aqui.
    Caramba, que mulher abusada Nina. Fiquei pensando: o que leva uma pessoa sem inspiração, sem jeito para a coisa inventar de ter um blog, poxa vai cuidar de planta, fazer maquiagem, sei lá, mas querer mostrar talento às custas do trabalho alheio é feio demais. E vamos deixar bem claro que plágio é errado para que essa galerinha não se esconda atrás da desculpa de que não sabia. Não tem inspiração, não escreva. Simples!!!

    ResponderExcluir
  8. Nina querida,
    É fato que alguns blogs nos inspiram e de lá tiramos algumas idéias, temas, layouts etc. Mas copiar, não. Isto é baixaria, falta de respeito e criatividade. Espero que esta impostora leia este post e todos os comentários com os olhos bem abertos e sinta a nossa indignação. Talvez assim ela comece a olhar pra dentro de si mesma pra encontrar seu próprio estilo de escrever, de desenhar... Porque copiar tudo da Nina não pooooode! É ilegal!
    Denuncia mesmo Nina, chapa quente!
    Bjim
    Márcia

    ResponderExcluir
  9. Que horrivel essa situacao Nina! E muita cara de pau de uma pessoa fazer isso. Nao acrescenta em nada, pelo contrario ne? So empobrece o espirito dessa criatura! Triste! Seus textos sao sinceros, cheios de identidade e entao me pergunto como essa pessoa se identifica com voce e age de forma tao covarde e desonesta? Entao acho que ela so quer ganhar fama em cima, nao acho que role sensibilidade dela em nenhum momento! E cara de pau, e roubo e falta do que fazer.

    Para mim o mais legal em fazer blog e se expressar, dar a opiniao, mostrar coisas legais, bacanas, mas tudo autentico e com o proprio estilo, afinal isso que e o prazer do desse hobby/trabalho, que tbm da orgulho. Dai o plagiador vem vazio, alias so com inveja, copia, faz o post para ganhar algum comentario de algo que nao corresponde a sua vida? Nossa essa pessoa carece de tudo! Coitada! E ainda se torna ladra.

    Mais uma vez Nina mostrando a mulher de atitude que e! =)

    Bjuss

    ResponderExcluir
  10. Olá Nina, puxa, isso é muito chato!!! Nao pára de escrever seu blog nao! Adoro ler seus textos!! Beijos e uma ótima semana.

    ResponderExcluir
  11. Oi Nina,

    Li com profundo espanto seu post, semana passada também aconteceu isso com outra blogueira, geralmente elas pegam pessoas que falam sobre coisas bem íntimas, porque será?

    A primeira vez que li sobre isso,entrei em pânico, meu blog é tirado de minhas entranhas. A Elaine ensinou a bloquear fotos e textos, isso ajuda um pouco, mas não nos protege totalmente, existem outras maneiras de colar né??
    vou começar a usar marca d'agua nas fotos, e rezar para que as pessoas sejam menos dissimuladas, é simples: Se não tem competência não tentem se estabelecer as custas dos outros.

    E não pare de blogar!

    Beijo para mãe e filha!

    ResponderExcluir
  12. Caracas, isso é uma cachorrada, sem querer ofender os cachorrinhos, que são mais dignos do que muita gente. Que bandida essa mulher, acho que você foi muito boazinha com as palavras, eu xingaria até e ainda diria o nome da ladrona pra todo mundo evitar a bandida. Olha Nina, conheci alguém há um tempo atrás que processou o plagiador, o processo está em andamento e a pessoa vai ter que pagar indenização pelos danos que causou e não é pouca coisa não. As pessoas pensam que em internet tudo pode, mas isso é um engano muito grande, a lei é a mesma, sendo pela internet ou não. E porfavor, nunca páre de escrever, seus textos são muito tocantes.

    ResponderExcluir
  13. Olá querida Nina,
    Nossa, incrível como tem gente capaz de tudo nessa vida, hein?!? pôxa, se a pessoa não tem inspiração, criatividade, saco ou sabe escrever, pra quê criar um blog??? essa pessoa deveria criar vergonha na cara e parar de copiar os textos dos outros, nossa Nina, como ela teve coragem? que coisa vergonhosa!triste!
    Um grande abraço amiga, cheio de carinho!
    Fique com Deus!

    Bjs!!!

    Juli

    ResponderExcluir
  14. Fico pasma com a super cara de pau de certa gente!!!
    E, ebaaaaa!!! Que bom que você vai continuar blogando! Seus leitores fiéis agradecem (agora ainda mais, sabendo dessa situacao toda!).
    Beijocas mil, e boa semana!
    Angie

    ResponderExcluir
  15. Ah! Por essas e outras que ando com preguiça de blog. Deveria existir alguma maneira de barrar a cópia... esse cltr alt e cltr v ninguém merece!
    Beijos, muitos!

    ResponderExcluir
  16. Oi Nina,boa tarde !!!
    ESTOU CHOCADA,ESPANTADA !!!!
    Como leitora quero dizer que tbm me senti invadida,afinal,gosto de comentar de vez em qdo no teu blogue e de outras meninas tbm !!!
    Mas posso dizer Nina,que não é nenhum desvio de comportameto,problemas psiquiátrico não...É FALTA DE CARÁTER MESMO !!!
    Eu posso imaginar como é trabalhoso montar um blogue...um post...encontrar inspirações (apesar de ser nato) mas com coerência,carinho e ainda conseguir interagir conosco...prá chegar aqui um ZÉ NINGUÉM e na cara dura COPIAR,PLAGIAR E QUERER OS LOUROS ALHEIOS !!!
    Estou solidária a vc minha querida,e não desanima não,pq isso só fortalecerá estes BANDIDOS que de virtual,não tem nada,e o lugar deles é na CADEIA !!!
    DELETA E BOLA PRÁ FRENTE !!
    Vc inspira muitas de nós,nos faz refletir sobre tudo q escreve aqui e ainda de quebra CONSEGUE DESTRAVAR A NOSSA GARGANTA...A NOSSA VOZ !!!
    Tenha um domingo sereno e uma excelente semana.
    Fique na paz e com saúde !!
    Desculpe o tamanho do comentário tá legal?
    beijo.

    ResponderExcluir
  17. Nina, ou você é muito boa ou é muito boba. Eu se fosse você nem teria escrito um email, já teria procurado todos os meios pra denunciar a bandida que se faz de santa, olha o que ela fez, escreveu pra você toda simpática, elogiou os seus blogues, passou o link do blogue dela pedindo que você lhe perdoe pelo que vai ver, mentiu que parou com isso de plagiar e ainda fez pior no novo blogue. E você vem aqui e diz que a pessoa tem os sentimentos parecidos com os seus, que entende o que ela faz, que ela é uma boa pessoa, boa mãe, ah Nina, para com isso, ela é uma vigarista e aproveitadora. Denuncia essa mulher, é só ficar de olho nela e no que ela faz, na primeira suspeita, nada de ser gentil, gente assim, não se perdoa, ela usa você e deve usar outros blogueiros e deve está rindo de você agora. É por causa disso que não tenho blogue, vejo muita bandidagem por aí, entendeu?
    Beijos Nina, não queria ofender você, gosto muito de ler seus blogues mas acho que você é boazinha demais.

    ResponderExcluir
  18. Fui plagiada duas vezes. Na primeira vez fiquei uma fera, porque entrei no blog da garota e meus posts estavam lotados de comentários como se ele tivesse escrito aquilo...

    Escrevi pra ela. Disse que aquilo era errado e ela parou.

    Da segunda vez a menina disse que estava certa. E dessa vez me deu um cansaço. Ahhh se ela quer viver como uma sombra de outra pessoa, que viva. Dane-se. Larguei pra lá simplemente.

    Beijocas

    ResponderExcluir
  19. Olha! Mas entendo totalmente sua revolta, não estou tentando justificar quem faz isso, porque é realmente um absurdo!

    ResponderExcluir
  20. Flor.
    Já copiaram um texto je, há um bom tempo, mas, eu numa onda de loucura o exclui em meio a tantos do meu blog. A cópia foi algo que me incomodou sem incomodar, porque, não sei se por ingenuidade, ou por se tratar de apenas um, botei a boca no trombone, mas, não em senti ofendida. Porém o seu caso me assusta muito, porque vai além do plágio que é algo realmente muito feio, principalmente, quando a aobra (seja um texto, uma música o que for), é algo relacionado a vida pessoal de quem cria. Parece uma obsessão, isso não te assusta?

    Beijos

    ResponderExcluir
  21. OI Nina, estou indignada e solidária à vc! Semana passada fui mais ou menos plagiada por uma pessoa que frequenta meu blog desde o início, se diz minha amiga inclusive...fez um texto em que usava as mesmas palavras que eu uso, tentando escrever do jeito e com o meu estilo...Não posso chamar de plágio pq modificou o texto e é tão ruim de escrita que copiou mal...Mas saiu totalmente do estilo dela, ah menina, fiquei uma fera...e ainda volta a aparecer no meu blog hj! Muita cara de pau! Nem se tocou, deve ter achado que nem era com ela...Essas pessoas são doentes. Uma vez pegaram um texto meu e colocaram num blog, eu não conhecia a blogueira, mas uma amiga viu e me avisou. Denunciei ao blogger e eles retiraram o post. Nem sei se alguém me copia, mas devem haver inúmeros textos meus por aí, agora então que lancei livro, vai chover chupins...O melhor a fazer é denunciar mesmo. Às vezes tb tenho vontade de desistir do blog, por essas e por outras...Beijos solidários!

    ResponderExcluir
  22. Oi Nina tudo bem? Nossa esse post que você fez, eu sei bem o que é isso. Eu tenho perfil no orkut e tenho minha loja de roupas de bebe, e voce acredita que já vi varias das MINHAS fotos dos vestidos em orkut de outras pessoas que dizem que também faz o vestido. O pior é que você entra em contato com a pessoa numa boa e a pessoa simplesmente te exclui e fica por isso mesmo. Mas eu acredito na lei divina sabe, essas pessoas que não tem capacidade para ter suas próprias criações, que são burras mesmo e usam a criatividade de outras pessoas para crescer na vida.
    Nossa isso me deixa p...da vida sabe por essas pessoas ficarem impunes, mas Deus é justo e nos abençoa pois sabe que fazemos a coisa certa!
    Beijos e tem que denunciar mesmo!
    Ana

    ResponderExcluir
  23. Nina queridona!
    Isso é coisa de gente sem caráter mesmo! Fiquei de boca aberta lendo o que você colocou e falei até pra Glorinha sobre o seu caso, pois ela também já teve o mesmo acontecido e quem escreve bem como vocês, tem sempre alguém 'bisoiando', mas não comenta nada, só fica ali secando e acabam copiando, plagiando.
    Coisa feia!
    um abraço grande carioca

    ResponderExcluir
  24. A todas que comentaram aqui, muito obrigada! de coracao. Obrigada pela compreensao e entendimento. Eu estava esse mês todo chateada com essa história, e só passou qd eu coloquei em forma de post. Tem coisa que blog ajuda tanto! É por isso, ANÔNIMO, que eu concordo com vc qd diz que sou boba, sabe porque eu mandei o email pra ela antes? Porque eu sei que uma das coisas que poderia acontecer a plagiadora seria o blogger deletar o blog dela, e isso eu nao queria, porque percebi o qt ela estava gostando de ter o blog, veja o quanto boba eu posso ser né? A pessoa fazendo posts enganando os outros e a si mesma e eu com peninha dela perder isso. Pedi pra ela apagar os posts que eram meus, isso me bastaria, mas...

    Fiquei tbm horrorizada com vcs que tbm já foram plagiadas, obrigada por compartilhar suas experiências, to tbm chocada. E Silvia, nao, eu nao me assusto, dá é mt raiva, só isso, porque é como a Dama falou, se quer viver na sombra dos outros, que viva! Mas nao às minhs custas, enquanto eu puder lutar, eu luto, qd nao quiser mais, jogo a toalha. E que se vire... só acho mt incompetência! Acho tbm que ela se identifica com o que escrevo, e por isso copia. Mas isso é errado!

    Juli, bom mesmo era o tempo que eu escrevia nos meus diários e ninguém lia os meus "belos" textinhos, vamos voltar pra floresta, Juuuuu?!!! :-)

    Ahh Clara e Drica, nao vou passar o nome dela, porque nao quero me igualar ao patamar da mocinha, mas se ela continuar com a palhacada, pode deixar, vou ser menos boazinha.

    Um beijo a todas e novamente, obrigada!

    ps.Vania, vc é sempre bem vinda! já te disse pra nao se desculpar pelo tamanho dos comentários, todo blogueiro adora bons comentários e os longos sao geralmente os melhores :-)

    ResponderExcluir
  25. ola´nina!e por isso q vc nao pode parar com seu blog.pois nois gostamos de fazer visitas a vc
    seus textos e suas verdades..fazem mtas sombras surgir,
    otima semana a voce
    lambeijinhos

    ResponderExcluir
  26. Credo guria que horror!
    Seguramente agora ela vai criar um post sobre plagio ou melhor copiar.

    ResponderExcluir
  27. Nina, a cada dia que passo me assusto mais e mais com o que o ser humano é capaz de fazer. Nao desista do blog e nao deixe isso te colocar para baixo. Voce é especial e muito querida, como todas já comentaram aqui. E conte sempre com nosso carinho e apoio, viu?
    Beijos

    ResponderExcluir
  28. OLha! Parece que chegou o seu presentinho... rs... O pessoal do meu trabalho me ligou dizendo que chegou algo pelo Corrreio lá pra mim. Como estou de férias, só vou passar lá amanhã e te conto... rs

    Beijocas

    ResponderExcluir
  29. Nina, não entendo muito sobre ser plagiada. Só aconteceu comigo algumas poucas vezes e os desconhecidos se prontificaram a me dar os créditos. Mas entendo de perseguição implacável. Isso dá um ódio no fundo do peito que até hoje não consegui perdoar. Não sou boazinha como vc, tenho dificuldade em perdoar. rs.

    Beijos, Menininha.
    Vê se acalma e, nunca, jamais e em tempo algum desista de postar seus textos.
    Não faça isso comigo!!!

    ResponderExcluir
  30. Oi, Nina to passada com o seu relato. Tá certa em denunciar... afff, que picareta, que pessoa mais pobre de espírito e de idéias, claro!
    Sinto muito que vc tenha sido o alvo de gente assim.
    Te deixo um gde beijo solidário.
    Fica com Deus!

    ResponderExcluir
  31. Nininha, estou super sem tempo, eu não sei o que aconteceu com ele(tempo), mas estou aqui pra me solidarizar com você e com todas que passam por isso.
    Cara, fiquei P** da vida de imaginar tamanho descaramento, e o ponto é esse, qual exemplo ela passa para os filhos???

    Brava muito brava!!

    Beijins

    ResponderExcluir
  32. Nojo. É isso que eu sinto quando me deparo com coisas assim. Coisa mais feia! Concordo com todas as suas palavras!

    Beijo!

    ResponderExcluir
  33. Nina,

    Nunca aconteceu comigo, mas eu ficaria com vontade de enforcar a 'belezinha'. Eu penso assim, cada um escreve de acordo com a sua capacidade. Eu admiro um tantão de gente que escreve super bem, entre elas você, a Glorinha, Beth, Lucia Soares, Elaine, Cirilo, Luma, etc etce tal, mas nem por isso fico copiando.
    Tá sem idéia? Não escreva. Ou passa uma receita de bolo, enfim...vai da cara do seu blogue, mas contanto que ele tenha a sua personalidade, nao algo baseado nas vivencias de outras pessoas.
    Me sentiria totalmente invadida.
    Você é educada e gentil, por isso falou com ela antes. Acho que agiu certo, primeiramente nossa ação é conforme somos, mesmo que isso nao agrade a maioria. Fez bem em nao descer ao mesmo patamar que a plagiadora.
    Um beijo

    ResponderExcluir