19/04/2013

O tipo de amiga que sou

Há alguns dias, uma amiga aqui ficou meio doente. Eu só vim saber pelo facebook. Daí ela falou uma verdade que doeu um bocadinho em mim (geralmente, verdades doem, nao é?). Ela disse que já que eu nao ligo, nao tem como eu saber que ela ficou doente. Me defendi como pude, mas reconheci: sou péssima com essas coisas. Caramba, eu nao telefono nem pra minha mae! Quero dizer, claro que ligo pra ela, mas bem menos do que deveria. 

Daí fiquei me revisando, me observando. As palavras dela ficaram me rodeando por uns dias, como um fantasma. Mas nao tem jeito, esta sou eu. Foi esta a conclusao em que cheguei. Como cresci com poucos amigos, eu me acostumei a ficar na minha. Nao quero dizer com isso que amigos nao me fazem falta, mas eu sou totalmente adaptada a solidao. Isso nunca me doeu. O fato de eu ficar meio distante, nao significa em absoluto que nao pense nos meus amigos, que nao os ame. Mas eu nao sou acostumada a procurar por eles, porque sempre vivi isso. Sempre fui aquela que gostava e aceitava o fato de ficar só com as minhas coisas, que geralmente eram meus livros, minhas bonecas, meus diários e  meus sonhos.

Nao procuro as pessoas, mesmo. Sei que é chato, sei que parece arrogante, sei sei sei, mas nao é isso. É apenas, o meu jeito. Poxa... 
Eu tenho três filhos. Tenho um marido. Tenho meus hobbies. Tenho meus fantasmas e pequenos monstrinhos pra cuidar dentro de mim mesma. Tenho minha casa. Tenho minha família no Brasil. É muita coisa pra administrar...  Nao posso ficar telefonando, até porque, sinceramente, eu ODEIO telefone!!

Mas entao fui me olhar de novo e vi o que sou. Sou a amiga, sem pretensao alguma,  mais confiável que alguém pode ter. Sou boa ouvinte (ok, nesse ponto ando mudando ultimamente, ando falando agora bem mais que antes...) e se você me contar um segredo, pode ter certeza que ele vai pro túmulo comigo. Além disso, nunca deixo uma pessoa esperando longamente por uma resposta. Se você me escreve um email, por exemplo, vou SEMPRE responder e geralmente, bem rápido. Se você me convida pra ir algum lugar, eu vou sempre tentar ir com você e principalmente se você tiver um problema, você pode sempre contar comigo, em qualquer situacao. Nem que seja só pra te ouvir, eu vou sempre estar lá. Além de tudo isso, eu sou a pessoa que mais vai te querer bem. Vou sempre torcer por você, desejar sempre que você esteja bem, em paz. E torcer junto com você pela realizacao de teus sonhos. Quando eu disser que vou pedir a Deus por você, acredite, você estará nas minhas oracoes naquele mesmo dia.

Eu sou aquela amiga que sinceramente, sempre vai estar ao teu lado, mesmo que nao pareca. Que nao apareca. 



Entao amigas minhas queridas, que andam sentindo minha falta: dou minha palavra que amo vocês! Tá bom? E se quiser falar comigo, nao espere por mim, me liga, me escreve. Eu to aqui ;-)

* * *

agora uma coisinha nada a ver: voltei a colocar  a lista de blogs que leio ali do lado direito do blog, se vc estava lá e nao recoloquei seu link por favor me avisa. Tá difícil lembrar de todos os blogs :-(

17 comentários:

  1. Já nem sei mais que tipo de amiga sou, porque vivo tão isolada que me dá até medo... rs.

    Mas certamente sou igual a você, se depender de eu pegar um telefone para procurar alguém só para papear, todas as minhas amizades acabam. Ainda bem que os poucos e bons amigos que tenho sabem que odeeeeeio telefone e não me cobram isso. Acho que prefiro receber uma visita ou fazer, do que ligar para a pessoa.

    Beijocas

    ResponderExcluir
  2. Gostei de te ler.E ser amiga não é estar sempre ligando! É torcer, rezar, mesmo de longe, pelo melhor! beijos às duas,chica

    ResponderExcluir
  3. Cobranças....mesmo que me cobrem atenção (telefone não please!!!!) Me faço presente pelo pensamento, sentimento...
    Me identifiquei muito com vc! Beijos

    ResponderExcluir
  4. Nossa Nina, perfeito esse texto! Eu sou bem assim também, e nao suporto telefone. E nossos amigos de verdade sabem e respeitam isso, é o que realmete importa!

    beijokas

    ResponderExcluir
  5. Ô Nina, deve ter queijo do bom aí na Alemanha porque tu anda comendo até a casca. Tá esquecida por demais da conta. hehe

    Olha, amiga não precisa estar sempre presente. A gente sabe que ela está lá na hora que a gente precisa. A gente sente até quando é a amiga que precisa de nós. Né não?

    beijos Nininha

    ResponderExcluir
  6. Coisa de Nina, ser meio sumida assim...
    Fica tranquila, você é uma fofa!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Eu também sou exatamente assim; ODEIO telefone! As tuas palavras são as minhas palavras!!!

    Beijocas,
    Claudinha

    ResponderExcluir
  8. Querida, sabe nestes anos de vida aprendi q nao se pode esperar das pessoas aquilo q elas nao podem nos dar (bem q gostariam as vezes) mas nao podem.....entao eu aceito o q as pessoas podem me oferecer, achando q sou a pessoa mais afortunada do mundo e muito mesnos (rancorosa) e muito mais feliz!!! beijokas mil....veem entao me visitar... ;)

    ResponderExcluir
  9. Não fique chateada com sua amiga! Ela deve estar carente por causa da doença, mas enfim, você é que mora longe de todo mundo... já pensou ter que ligar para todo mundo? E por que não é o contrário e as pessoas te ligarem, afinal, eles farão apenas uma ligação, mas você terá que fazer ene ligações... A amizade é uma via de mão dupla e eu, só ligo para quem liga para mim. Não tomo a iniciativa, pois acho que hoje em dia, todo mundo anda tão ocupado e calha de ligarmos em uma hora não muito boa. O facebook simplificou até o envio de e-mails, então, dar um alô por lá, é o mesmo que "ligar" para dar alô.
    Não gosto de cobradores, notou né? :)
    Beijus,

    ResponderExcluir
  10. Que engracado saber que tantas nao gostam de telefone... ah que bom gente,me sinto uma alienigena revelando isso :-/
    Minha sogra é incapaz de entender isso...


    Ellen,vc é outra que bem poderia reclamar de mim né minha amiga? Eu te prometi telefonar e ate agora, nada... ai cruzes,ta vendo como sou pessima?? marvada!

    Mas é claro que vou te visitar. Isso ja ta certo. Vamos mesmo! me aguarde.

    Bjs gente.

    ResponderExcluir
  11. Nina, eu tenho a opinião que amigos, os verdadeiros, vão estar lá quando a gente realmente precisar. Tenho certeza que você é uma ótima amiga e tuas amigas compartilham dessa mesma opinião.
    Bom final de semana!
    beijos
    Ana

    ResponderExcluir
  12. hahhaha minha sogra também nao entende de jeito nenhum... pra ela é uma ofensa pessoal eu nao gostar de falar no skype, já deu altos rolos isso por aqui...

    ResponderExcluir
  13. Difícil agradar sempre, mas é isso mesmo com todas as coisas do dia a dia a gente fica sem muito tempo pra toda hora ligando para cada amigo. Meu marido sempre diz que com amigo os encontros mais legais são aqueles que a gente tem sem marcar, sem esperar. Eu discordo um pouco, mas as vezes é verdade mesmo.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  14. Eu acho que amigo não tem que ter bola de cristal. Às vezes cabe a outra parte nos avisar,nos posicionar sobre algo.
    Vamos dar um desconto, como disse a Luma, pois ela pode estar bem carente, sensível.
    Beijo

    ResponderExcluir
  15. Eu adorei suas palavras...e tenho algumas relações de amizade onde não existe essa cobrança de amizade, de presença física, de visitas, telefonemas, etc...mas qdo a gente se encontra é como se nos víssemos diariamente. E não por coincidência, são as amizades que mais prezo. bjs

    ResponderExcluir
  16. Gostei de sua revisão, é bom entendermos o que temos para oferecer, até porque assim reconhecemos que o outro também tem suas limitações. Podemos ser amigas de várias formas, mas torcer pelo bem, ser confiável, saber escutar são ingredientes muito salutares para costurarmos amizades.
    Gostei do que li.
    bjs,

    ResponderExcluir
  17. Olá!!!
    Eu estou lendo seu blog, e me identifiquei demais com vc... Eu também sou assim. Muitas vezes do nada eu ligo para dizer: Oi!
    E passo dias/meses/anos sem nenhum contato, só as lembranças. E isso tudo não quer dizer que não ame meus amigos/família. Sou muito de ficar quietinha no meu cantinho...
    Beijos e logo logo estarei na Alemanha!

    ResponderExcluir