14/12/2011

As garotas de Viena

Ainda no verao passado, fizemos um viagem a Viena, na Áustria. Nao é muito perto da gente, mas como era um dos meus sonhos de viagem, por ser uma inveterada romântica influenciada pelo filme Antes do Amanhecer, ganhei do marido de aniversário. Realmente, Viena nao decepcionou. É linda de morrer, apesar de eu achar tudo muito grande, enorme, exagerado. Os prédios antigos que fazem parte do centro histórico sao muito ricos, extremamente ricos, e nao conseguia andar pelas ruas onde estavam todas essas ricas construcoes sem me perguntar "pra que meu Deus, pra que toda essa luxúria???"

O fato é que Viena está em meio a grandes proporcoes. As ruas desse centro sao larguíssimas! É tudo muito descomunal, sabe? Muito grande, muito alto, muito rico, tao rico que chega a ser assustador. É também muito grande pra pouca populacao existente. Mas é legal, é tranquila, é bonita, segura, alegre, é musical. E é sobretudo,  elegante. E é sobre isso que quero falar. 
As vienenses sao elegantes!
Sim, no primeiro posto ainda considero as francesas as mais elegantes. Elas tem uma leveza no vestir, no andar e no jeito lindo e francês de ser, que nunca vi em outro lugar (oi? algum outro lugar é a Franca?). Alguns acham as italianas as mais chiques,  mas eu particularmente acho as italianas, forcadas demais. Me lembra um pouco a brasileira, um pouco melhorada. 

Oi? Desculpa aí, você brasileirinha elegante e chique, to falando de você nao tá querida? Mas da maioria que tem um estilo sexy de ser, meio digamos, sexy demais pra o meu gosto.
Entao voltemos às vienenses. 
No dia que fomos passear, estava fazendo um calor terrível (você que nao é uma menina  chique e que nunca pisou na zoropa, aqui nao é sempre frio nao tá? Ou tu tá pensando como eu pensei antes de vir morar aqui: ai cruz credo dessa Alemanha fria do cacete, vou é doar todas as minhas rasteirinhas e camisetinhas pros pobres, e vou me encher de botas e cachecóis porque agora vou virar chique... aí neguinha vê que na Alemanha também faz um calor doido e cadê as camisetinhas quando ela precisa?? "Tudimcospobre"...Vai ter que comprar nova, abestadinha...
Mas voltando de novo às vienenses... eu coloquei uma camisa xadrez de manga comprida e leve (que bom que nao estamos nos anos 80s, hoje xadrez pode ser leve) e um short relativamente curto e branco. Agora pense em toda uma cidade olhando pra minhas pernocas! Exageraaaaaada!! Olha, eu até queria pensar que o povo tava achando minhas pernas torneadas e morenas assim, uma belezura, mas o fato é que eles estavam olhando porque aquilo nao deve ser muito fácil de ver por lá. Sei lá. Me senti muito incomodada, meu Deus, logo eu que to sempre me policiando com essa coisa de ser sexy demais! Velha quando quer ser sexy, ai meu pai, sai de baixo! 

Envergonhada, mas de cabeca erguida e menos rebolativa possível (agora imagine um robozinho brasilerim andando com perninhas juntas: eu!) comecei entao a observar a mulherada. Ai menina, como sao chiques! Desconsiderei aquelas que nao eram de lá, as que eu conseguia identificar como turistas, e fiquei olhando as garotas vienenses. Chiques gente, chiques, nao vi uma sequer com roupa vulgar, com shortinhos curtos, com transparência, com decotoes ou sapatos altos. Todas as mocas que vi estavam muito elegantemente vestidas de forma simples e por isso mesmo, bonitas,  mesmo no verao escaldante que fazia naquele agosto. Elas usavam sobreposicoes leves, shorts mais larguinhos, camisetas sem mostrar barriga ou umbigo com piercing, chapéus, sandalinhas, tênis,  sapatilhas, vi pouquíssimas com calcas jeans, elas usam o que eu acho o máximo: calcas de tecido, mais larguinhas, coloridas. Andam muito de bicicleta e estao sempre sorrindo.

Achei tudo uma fofura e no outro dia, tratei de usar algo mais à altura das belas garotas de Viena. 
Claro que queria fotografar as gracinhas, mas morro de vergonha de levar esculhambacao e esculhambacao em alemao, dá um medo bicho, nem te conto!

7 comentários:

  1. Ai Nina, só vc mesmo... rsrsrsrs, incrível como vc consegue escrever essas coisas de uma forma tão bem humorada, nos faz rir, sabe... Olha, eu fiquei imaginando vc em Viena de shortinho e todo mundo olhando essas pernocas... rs
    Um beijo querida, fique com Deus!

    ResponderExcluir
  2. Interessante seu post! Nunca nem pensei em ir a Viena... rs. Mas confesso que fiquei curiosa!

    Realmente a brasileira tem um jeito sexy demais de se vestir e eu como boa brasileira não escapo disso... rsrs.

    Mas comigo aconteceu algo semelhante que com vc, aqui no Brasil mesmo. Quando fui a Porto Alegre, só levei sandálias, umas rasteirinhas. E lá a mulherada só usa sapatos e botas na sua maioria. Sentia claramente as pessoas olhando meu pé. Até porque chovia muito. Mas aqui no Rio de Janeiro é muito comum usar sandálias, inclusive em dias chuvosos.

    Beijocas

    ResponderExcluir
  3. Ah Nina... você me fez lembrar um dia em que estava em Sirmione, na Itália, e usei um vestidinho floral longo, mas decotado no busto. Nada demais (para padrões tropicais) mas chamei tanta atenção que fiquei envergonhada, colocando os cabelos sobre o decote para tentar escondê-lo. Eu estava com meus pais e irmã, menina de família, sabe. Mas acho que cruzei algum limiar e fui sensação como você em Viena. Vivendo e aprendendo. Achei as senhoras vienenses muito elegantes, cabelos bem penteados e make leve. As moçoilas são básicas. Mas o básico é chique! Hoje entendo isto.
    Bejios querida robozinha!
    Márcia

    ResponderExcluir
  4. Chique é rir de si mesma e isso você faz muito bem. Parabéns pelo jeito de escrever!

    ResponderExcluir
  5. Nina querida,acho as italianas chiques mas que precisam ou se acostumaram com muita produção. Nunca fui a Viena mas pretendo. Ontem passei em Munich estou agora na casa da minha sogra em Roma, fico por aqui até dia 10/01 não avisei no blog por questões de segurança afinal vivo no Brasil rsrsrs.
    Me manda seu endereço por e-mail? diacuypiccione@yahoo.es Quero te mandar um "pensierino" como se diz em italiano.

    ResponderExcluir
  6. Nina robozinha!
    Você é mesmo demais quando escreve com este bom humor. Consigo visualizar direitinho você falando.
    Tens razão, para ser chic e sexy não precisa sair por aí rebolativa e com pouca roupa.
    Eu acho que a 'molerada' por aqui, principalmente no Rio, anda muito largada. Tudo é shortinho agarradinho, desde a favela que já manda no asfalto às bonitinhas das baladas noturnas. Acho de uma pobreza infinita isso.
    bjs cariocas

    ResponderExcluir
  7. Nina... amei esse filme. Voce assistiu a continuação dele: 'Antes que anoiteça'... tão lindo quanto!
    Beijocas, estava com saudade de ti!

    ResponderExcluir