07/12/2010

Levando seu bebê coladinho a você

Quando cheguei aqui sempre achava engracado como algumas maes carregavam seus filhos, sempre pensava que elas, apesar de alemaes, pareciam ter um pé na África, porque já tinha visto esses carregadores, mas só em fotos africanas ou até algo parecido em algumas tribos indígenas. 
Quando Pedrinho nasceu notei a importância de tal aparato.

Sim, ainda vejo pessoas rindo, agora,  de mim. Outro dia, dois turcos cairam na risada ao me ver na rua com Pedrinho, mas quer saber?? Há muito tempo virei um serzinho totalmente sem vergonha!!!
Quando tive  a Laura, há 16 anos (Deus, o tempo voa mesmo...),  também usava algo parecido, mas era um bebêbag ou Canguru, como queira, normal, como todo mundo conhece, nao conhecia ninguém em Manaus que usasse, mas ia todos os dias pra faculdade de ônibus, carregando-a no bebê carona de paninho, macio e fresco. Mas esse negócio que aqui se chama Babytragetuch e no Brasil, se nao me engano, tem o nome de Sling, é algo SUPER PRÁTICO! mesmo... eu adoro!


Tem um monte de vantagens em relacao ao carregador normal, aqueles com fivelas, algumas partes duras e tal. Isso aqui é só pano, de um tecido macio e maleável, apesar de resistente,  que você pode envolver o teu corpo  e por conseguinte, o corpinho do teu bebê, de várias maneiras e sempre muito confortável. Pesa menos que a maioria dos babybags que já conheci, e nao dói nadinha as tuas costas, o bebê se ajusta perfeitamente à forma do corpo da mae e fica numa posicao tao confortável que pode dormir ali por horas seguidas. 

Tem sido assim com Pedro. 

Ele é um bebê que só ficar no colo e eu sou uma mae que nao suporto ver filho chorar. Como nao trabalho fora, posso me dar ao luxo de ter meu filho por perto sempre que eu ele precisar.
É uma forma de fazer as coisas na casa sem precisar estar todo tempo parando o trabalho pra ver menino no berco, se é que seu filho para  quieto no bercinho (o meu nao é assim!!). Mas  é bom pra menino que só quer o calor e o carinho da mamae. E quem é que nao quer???

Se seu bebê nao dorme muito, durante o dia, assim como o meu, o sling é o mais adequado, pois basta Pedro saber que tá ali, penduradinho, que já vai fechando os olhinhos e dorme... e dorme, e dorme. Certa vez ele dormiu 5 horas seguidas!!! Tudo bem, aí tenho que falar a verdade, as costas doeram, mas sabe, doeram menos do que se eu tivesse carregado-o no colo normal, como certamente eu o faria se nao tivesse o sling, porque eu sou uma mae muito besta mesmo. Também é muito bom quando eu nao quero levar o carrinho, chego mais rápido aos locais, tenho os bracos livres, posso ir e vir à vontade e tenho meu bebezinho ouvindo o bater do coracao da mae dele o tempo todo, como quando ele estava dentro da barriga dela, nao é ótimo? É bom até pra combater as benditas cólicas dos três meses, pois mantém nossas barrigas em contato, aquecendo-o. Nao é quente, e nao é frio, é agradável. Eu faco quase tudo com ele, inclusive ir ao banheiro, usar o pc, cozinhar, arrumar as coisas mais básicas na casa, usar o aspirador de pó,  dancar pela sala...
Enfim. 

Fica a dica!
Nao, nao é propaganda (até seria bom se fosse, ganharia uma graninha) mas é só uma dica pras mamaes desesperadas com seus bebezinhos nervosos e carentes de afeto... e o mais importante, nao faz mal pra coluna do baby,  como muito erroneamente se pensa.

9 comentários:

  1. Oi, Nina!

    Sabe que eu comprei um desses para a minha cunhada? Queria muito que tivesse quando tive as meninas...Aqui no Brasil, eles vendem como Sling e tem uma argola grande para amarrar ou reforçar. O bebê parece amar ficar ali!!! Bom, eu, com certeza, amaria, como bebê ou como māe...

    Beijo grande!

    Rê.

    ResponderExcluir
  2. Que barato, Nina!
    Eu também usei algo parecido há 25 anos quando tive meu filho, mas o nome não era Sling. Aliás, este que é usado hoje é mesmo diferente e tenho visto algumas mães por aqui também.
    O seu, pelo que vejo, deixa-a muito confortável e ao bebê também e por aí, com o friozinho aumentando deve ser bom para vocês dois afinal.
    bjs cariocas

    ResponderExcluir
  3. Aahhh meninas, entao deixa eu corrigir, chama sling... obrigada!! vcs duas sao mamaes pra frentex mesmo :=)

    Aqui nao tem com argola nao, pelo menos nunca vi. Já vi na tv aqui o modelo que tem no Brasil, com argola, achei bacana tbm.
    Obrigada e um beijinho procês!

    Em tempo: essa foto na cozinha tá RIDÍCULA, que coragem a minha em postar, credo! to a maior balofa, e aparece mais a cozinha desorganizada do que o babaytragetuch, vai te catar Nina lesa :=)

    ResponderExcluir
  4. Oi Nina bom dia,tudo bem?
    Muito bem explicadinho...parabéns !!!
    Amei as fotos tbm...e vem cá,que estória é essa de dizer q sua cozinha estava bagunçada? Não vi nada disso...não reparo na casa das pessoas...rs.
    E se tivesse...seria uma cozinha de pessoas normais...r !!
    Qdo tive minha filha há 30 anos atrás...nossa qto tempo...ganhei um babybag mas não tive coragem de usar...mas este aí ...eu teria...na época...é claro !!!
    Lindo dia para vc e seus filhotes.
    beijo.
    OBS: não tenho blog,sou apenas uma leitora,tá?

    ResponderExcluir
  5. "apenas" uma leitora????
    vania querida, adorei a visita!!
    nao teve coragem de usar o babybag?? rsrsr, tbm há 30 anos, nao sei se teria :=)
    meu Deus, 30 anos?? caramba, tua filha já é uma mulher, que legal!
    volte sempre!

    ResponderExcluir
  6. Nina vc fica muito linda carregando o Pedrinho assim! Parece uma mamaãe canguru!
    Vou comprar um pano destes pra mim quando tiver a Stella. Ou melhor, a Anna. Ou a Rafaella. ha ha ha
    Bjao!
    Márcia

    ResponderExcluir
  7. Nina isso e maravilhoso! Voce ainda tem a compania dele o dia inteiro! Que delicia!

    A relacao mae-bebe com este contato tem muitas vantagens: afetivas, de audicao, entre outras.

    Na epoca do meu TCC, uma amiga minha fez o TCC dela sobre isso, o tema era: Metodo Mae Canguru:"amarrando" a relacao mae-bebe, ema inter-relacao constintuinte da linguagem. Nao e lindo!?rs Foi uma pesquisa qualitativa, ela visitou umas 4 maes e visitava cada uma por um periodo de 6 meses. Para bebes de baixo peso por exemplo isso e recomendo para aumento de peso por conta do calor gerado pela mae. Isso e uma forma natural que a natureza proporciona.

    Mas realmente as costas talvez possam doer ne? Nao sei, mas com certeza isso e muito legal!! Amei as fotos e achei o maximo! =)

    Beijinhos para a mamy e o filhinho canguru

    ResponderExcluir
  8. Método canguru total! Se eu achar alguma coisa de cesta de frutas posto pra vc, tá? E que bom que curte o blog, continue visitando sempre, viu? Bjs querida

    ResponderExcluir
  9. Adorei!
    Não vi isso por ai.
    Nina, cheguei ontem no Brasil e é claro uma mala ficou em Paris...rsrsr

    Guria, não aguentava mais o frio, era neve que nunca mais parava de cair, é claro que eu queria neve mas apenas um dia rsrsrs....Deuuuussss que me livreeeee!!!

    Aqui tá um calor que são 07:16 da manha e estou suando...rsrsrs

    Nina, vc tem aquele carrinho que o bebe fica todo protegido contra o frio....se tiver coloca tb aqui pra mostrar ...acho muito fofo....

    Bjoosssssss

    ResponderExcluir