11/07/2008

Mais um aniversário

Hoje é aniversário de uma pessoa muito importante pra mim.
Uma pessoa que discutia muito comigo, mas que sempre estava ao meu lado. Uma pessoa Que se faz de durona quando na verdade tem um coração doce (e acho que peguei um pouco essa mania). Uma pessoa que corre atrás, que batalha, que vai à luta. Hoje é aniversário de uma pessoa que só chora por um bom motivo. Aniversário de uma pessoa exatamente 30 anos mais velha que eu.

Hoje é anivesário do meu pai.

~

No caminho de volta pra casa, quando chegava da escola, estava pensando nisso.
Esse é um blog "Entre Mãe e Filha", por tanto é bem óbvio que as personagens principais sejamos eu e minha mãe.

Às vezes eu escrevo que estou com saudade do meu pai, mas fica meio vago. Eu acho um pouco superficial, já que só digo que sinto falta dele. Ponto.
A minha mãe também reclama do meu pai, bem raramente. Quase sempre ela coloca uma espécie de cortina, e fala como era difícil a vida antes de virmos para a Alemanha, de como havia discussoes em casa todo dia. Não respectivamente com quem.

Eu não vou mentir, o meu pai é complicado mesmo. Tem dias que ele acorda mal-humorado, e começa a reclamar. Aí, sai de perto!

Mas era ele que sempre chegava em casa com alguma coisinha comprada na rua. Era sempre ele que me dava uma carona até a escola. Também foi ele que me ensinou a importância de escovar os dentes, de fazer o dever de casa, de usar chinelos quando ia pra rua...

~

O meu pai gosta muito de crianças, pode ter certeza.
Lembro que às vezes ele trazia os filhos de algum colega do trabalho para ir brincar com a gente. Pra falar a verdade, eu nunca gostei muito disso, já que as crianças eram sempre mais novas do que eu, e até meio enjoadinhas (ah, aquela Tainá! Ela quebrou a minha caneta com glitter preferida!!). Mas eu sei que essa era a maneira de dele de nos ensinar a fazer novos amigos. Eu sempre fui bem tímida, e acho que talvez ele tenha percebido isso.

De qualquer forma, a nossa casa estava quase sempre cheia de crianças. Os nossos amigos da rua, os amigos da escola, um pessoal que eu nunca tinha visto na vida...não importa.

O meu pai também dá um pouco de medo, quando está bravo. Descobri isso pelo que uma das minhas melhores amigas me falou, a Sabrina, uns anos trás, quando brincávamos de boneca na sala:

"Ei, Laura, podemos comer mais daqueles biscoitos?"

"Claro, Sá! O pacote tá em cima da mesa da cozinha, pega lá pra mim?"

"Aaahhh...vai você? Eu tô com medo."

"De quê?"

"O 'seu Ruy' tá lá, eu não quero incomodar né?"

"Tá bem, tá bem..."

~

O meu pai é, tipo assim, gigante. Eu lembro de quando era bem pequena, e ele me carregava nas costas. Aí nós saíamos passeando pela casa. Eu ia olhando tudo o que tinha em cima dos armários (sempre tnha algo jogado lá) e tomava cuidado pra não bater a cabeça no teto.

"Ô pai, como você consegue ver tudo daqui de cima sem ficar tonto?"

(Tudo bem, eu era pequenininha. E qualquer coisa maior que uma menina pequenininha é gigante pra ela)

Outra coisa legal era quando ele viajava pra Manaus ou Belo Horizonte. Eu e meu irmão ficávamos contando os dias pra ele chegar.
Quando meu pai voltava, nós ficávamos muito felizes em revê-lo, e mais ainda quando ele trazia alguns presentinhos junto. Um novo gibi da Turma da Mônica, uma nova boneca, carrinhos de plástico, uma caneca colorida, castranhas do Pará (que na verdade vieram do Amazonas u.u). Não importava. Sempre tinha alguma coisa, por menor que fosse. Sempre.

~

Mas, enfim, voltando ao assunto, hoje é aniversário dele. Meu querido papai faz 44 aninhos já! (e, olha, ele continua bonitão! xD)
Muitas felicidades pai! Que Deus te dê muita felicidade, amor, paz, saúde...etc, etc. Obrigada por me ajudar sempre, e desculpa pelas briguinhas que eu causei. Você é e sempre vai ser o melhor pai do mundo, pelo menos pra mim e pro João.

Te amo muito!!

9 comentários:

  1. pai é sempre único, né?!
    meu pai também me ensinou a importância de muitas coisas e o que vivo hoje é porque o tenho sempre como um porto seguro e também porque ele me incentiva muito!
    parabéns para o seu pai!
    bjos,
    Laurinha

    OBS:adorei este blog e o seu, "adolescendo", me identifico muito com você.

    ResponderExcluir
  2. Ai que coisa gostosa.
    Pai é pai né?
    Pelo menos é o que dizem.
    Convivi com meu pai muuuuuito pouco, ele bebia horrores e minha mãe juntou as crianças(5) o cachorro e deu no pé.
    Mas fui e sou muito abençoada com um paidrasto dos céus.
    O cara é maravilhoso mesmo.
    Laura, parabéns 2 vezes pro seu Ruy, uma por ter o prazer de ser seu pai e do João e outro pelo aniversário dele.

    Beijins

    ResponderExcluir
  3. Que delícia ter alguém que lembramos com tanto carinho,né? Deve ser difícil ficar tão longe do seu pai,mas ele sabe o quanto vc o ama e vc sabe o quanto ele te ama!
    Parabéns para o seu pai! E que vocês se vejam em breve^^

    ResponderExcluir
  4. Lauraaa!!! =D

    Parabéns pro seu papi... Tudo de bom!!!^^
    Ah... acho que sei um pouco como é isso x]
    Sou meio afastada do meu pai... mas enfim...

    Que seu pai continue assim,um bom pai!!! ^__^
    E não precisa falar que ela é bonito!!!! Com uns filhos assim,só podia ser,nééééé *puxa saco* ahahahah x3

    Kissus,Lauritaaa ;********

    ResponderExcluir
  5. Viva o papai Ruy! gente 44 né filha? caramba!!!

    Bom, ele não vai poder ler o texto porque tá lá no meio do mato, no Amazonas, mas assim que voltar, ele vem aqui ler e dar uma choradinha básica com essa declaração de amor.

    aliás, ele faz aniversário dia 11 de julho e dia 12 (hj) é tbm o dia dele (e o meu, e o da Juli, né Juli??). Hoje, dia 12, é o Dia do Engenheiro Florestal!!!!) então, parabéns duplo papai Ruy!

    Parabén também pra nós Juli. Como é que a Laura faz aquelas cabecinhas alegres??? deixa eu tentar... o/ viva... paraí, tem uma melhor, com os 2 braços abertos, vou tentar de novo, ahh nao sei, só sei esse /o/ viva nós Juli!!! :)

    ResponderExcluir
  6. Que ele seja muito MUITO FELIZ.
    E QUE VC TENHA, TBM, DIAS SEMPRE FELIZES MOVIDOS A SENTIMENTOS DE PLENO AMOR.
    BEIJOCAS
    GRACE OLSSON
    www.eueorenascerdascinzas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. \ô/ Parabens pro pai da Laura \õ/
    É, pai é unico mesmo, amo muito o meu e vejo que voce também ama o seu...

    *sem ter mais o que falar, só enrolando*

    Então, será que chove?
    Putz essa foi ruim...

    Beijos*

    ResponderExcluir
  8. Laura,foi muito bom você ter postado sobre isso,porque até eu já estava ficando com medo do seu pai! -.-
    Legal saber que ele sempre gostou tanto de crianças;diz a minha mãe que isso é sinal de bom caráter.Bom saber que ele brincava com você,que te carregava nas costas(as pessoas sempre me disseram que sou muito pesada).
    Você deve sentir tanta falta dele!Afinal,ele é seu pai.O meu,eu perdi quando era tão pequena que me acostumei a ter só mãe.Mas para quem cresceu ao lado do pai,é difícil se separar assim.Com o post de hoje,acho que ele vai saber que mesmo estando tão longe,vocês empre se lembra dele e o ama muito!
    Parabéns pro tio Ruy! \o/ Aeeeeeeeeee! =)
    Kissus pra ti ;****

    ResponderExcluir
  9. Obrigado filhona, voce é tudo de bom e muito mais para mim, e todos que ti amam de verdade, tó curtindo i final das ferias em ita, andei muito de moto pelo mato, e estou acaando minha tarefa de ferias e melhor ainda, viajando de graça e ganhando um trocado para ajudar, ti amo muuuiiiitttooo, e seu iramão e sua mae tambem, dia 02/08 estarei em casa de novo, meu cel, pega aqui em ita, (o nº do jão mande email normal, ainda acho muito papo este blog muito estranho,bjs ugauga

    ResponderExcluir