23/03/2012

O homem alemao

Querido leitor,

peco desculpas por você nao mais encontrar esta postagem aqui. Resolvi deletá-la porque estava me trazendo só problemas. Eu estava sendo muito mal interpretada por quem a lia.
Falava de algumas diferencas culturais básicas entre os homens alemaes e brasileiros. Entao você pode bem imaginar o tipo de coisas que estava ouvindo, certo?!
Por isso, achei melhor apagar tudo, pra evitar maiores desentendimentos.

Deixei porém os comentários se você desejar acompanhar e comentar qualquer coisa.

E mais uma vez, por favor, desculpe-me!

38 comentários:

  1. Nina, você é uma vizinha muito querida! Eu também tinha uma vizinha fofa que recebia todos os nossos pacotes - ela ganhava flores e chocolates da gente de agradecimento :-D
    Quanto ao homem alemao, concordo com você. Apesar que quando ele está num relacionamento, eu acho ele mais seco e direto (às vezes até rude) do que o homem brasileiro. Ah, e na época do Carnaval alemao: é uma época que eu acho que os homens alemaes perdem completamente as estribeiras e vêem as mulheres definitivamente como num acougue ambulante :-D
    Beijocas, e bom final de semana! Que tempo primaveril maravilhoso, nao?

    ResponderExcluir
  2. Queria que ter uma vizinha que recebesse minhas correspondências... rsrs.

    E vem cá, Nina! Dá pra parar de me colocar água na boca?! rsrs.

    Vê se encontra aí um alemão disponível que adore brasileiras e diz que tem uma blogueira no Brasil disponível, euzinha...rsrs.

    Eu detesto o jeito do homem brasileiro, essa é uma das razões por estar sozinha, eles simplesmente não me encantam na sua grande maioria.

    Beijocas

    ResponderExcluir
  3. Oi Nina!
    Fazia um tempinho que não me atualizava com os seus registros.Através do blog da Georgia cá estou novamente.
    Seu post é interessante pois apresenta um modo de agir do universo masculino que por pertencer a uma cultura muito diferente da nossa brasileira não poderia outro que ser também diferente daquele dos homens brasileiros.
    Abraços,

    ResponderExcluir
  4. Oi Nina minha florzinha do Amazonas!!
    ....nao sei como nem quando, peguei essa bactéria, tô aqui na luta sendo a matadora de bactéria com muitos remédios, rss estou bemmmm melhor, obg viu?

    .Os homens.... Sao seres indecifráveis ainda sob estudo humano rss
    bjs!!

    ResponderExcluir
  5. Eu noto essa diferença aqui mesmo nos descendentes de alemães. Meu vô era filho de alemães e foi criado como um. Meu pai tem ideias que vão muito ao contrário das gerais no Brasil. Digamos que, até pelo que tu escreveu, talvez seja possível dizer que os homens alemães são mais "recatados" de certa forma.
    Ahh, e Ritchie é um charme só. Quem não gosta né? Essa semana mesmo encomendei com ele o novo CD (que virá autografado). E é um querido, verdadeiro lord inglês!

    ResponderExcluir
  6. rsrs, ai Dama, só tu mesmo!

    Pois é gente, isso é uma questao mt cultural, como falou a Bergilde. E sao sim, mais recatados, como a Ana falou. Carnaval Angie (vc deve ta falando de Köln, talvez) realmente a coisa muda de figura. Tenho uma amiga espanhola que fez um doutorado na Holanda, ela disse que lá os homens sao mt recatados mas que qd bebiam em excesso, explodiam tudo o que guardavam, ela cansou de ver baderna qd eles enchiam a cara. Acho que isso tbm mexe com o povo daqui. Qt a eles serem secos, isso tbm é um fator cultural, vc ja notou como os pais educam? É um aprendizado de pai pra filho. E como aqui rola a cultura do fale a verdade doa a quem doer, o homem nao foge à regra.

    Agora falando mt sinceramente, prefiro a verdade nua e crua e a secura do alemao, aos "quentes e fervendos" gostosoes machistas brasileiros (que me perdoem os bons rapazes, por favor que sei que existem) que na primeira mulher que ele encontrar ao virar a esquina, minutos depois de ter me jurado amor eterno, vai parar na cama dele.
    Cansei de ser chifruda!

    ResponderExcluir
  7. Olá Nina!

    Eu tenho uma amiga brasileira, Janette, que conheceu um alemão aqui em Portugal. Casaram, tiveram uma menina que já têm 6 anos e vivem na Alemanha. Ela é super feliz e o teu post fez-me lembrar o que ela dizia sobre os brasileiros e portugueses também. A mentalidade do "tuga" é igual porque são latinos. "Eu prefiro estar sozinha do que ter um machão a mandar em mim!" Dizia a Janette e está sempre a dizer-me para ir visita-la que me apresenta a uns amigos do marido eheh só ela mesmo!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  8. Acho que essa educação com as pessoas vem muito das duas partes, sabe? Se a mulher se oferece como um pedaço de carne, não só ela vai ser tratada assim como todas nós que prezamos a gentileza, respeito e educação. É um triste fato, claro. Acho que não só os homenes brasileiros tem muito a aprender, como algumas mulheres também.

    Gostei do post! Gostei do blog ^-^
    Beijo!

    ResponderExcluir
  9. Oi Nina, temos os prós e os contras, não é mesmoo? Não há perfeições. Seria bom se pudéssemos juntar os pedacinhos e formar o que de melhor desejamos, mas é sonho....
    bjs Bom fds

    ResponderExcluir
  10. Oi Nina... aqui no Brasil temos homens educados tbem... é raridade, mas existe. bjo

    ResponderExcluir
  11. Nina, nao ia comentar neste post ate que li o comentario da Janaina Barreto, ai me deu coragem, pois penso um pouco como ela.
    De uma forma GERAL a gente recebe aquilo que oferece. E simples assim.
    Meu marido e estrangeiro, mas antes de tudo um simples ser humano homem. Nao vejo nele caracteristicas fantasticas que nao teria encontrado num homem brasileiro ou seja la de que pais fosse.
    Tive poucos namorados mas guardei de meus relacionamentos boas memorias, eram homens/meninos bons.
    As amigas brasilerias que tenho aqui no Canada sao todas casadas com brasileiros. Saimos muito todos juntos e vejo a maneira carinhosa como os maridos tratam suas esposas, suas familias....
    Acho que mais importante que rotular, ou dividir os homens em categorias seria lembrar que eles sao antes de tudo simples seres humanos. E nos tambem.

    ResponderExcluir
  12. Meninas, vcs notaram que eu nao estou falando no post sobre os brasileiros e sim, sobre os alemaes??

    É por isso meninas, que eu frisei que nem todos sao assim e no meu comentario peco desculpas as bons homens. Seria estupidez da minha parte, dizer que todo mundo ta no mesmo saco de farinha. O fato é que homem brasileiro, na sua maioria, nao é fácil.E isso é cultural. Eu tenho mts experiencias ruins. Mts! Porque nao tive poucos namorados e por experiência, sei do que to falando.
    Mulher é carne de acougueiro sim no Brasil. E a gente tem que comecar a pensar seriamente em tudo isso. Qts mulheres apanham e sao mortas por seus "companheiros"? O que vcs acham que os motiva???? Nao sei se posso concordar totalmente com o que a Jana falou, sorry Jana, entendo perfeitamente o que vc disse, mas esse pode ser um pensamento machista, é igual a dizer que as mulheres sao culpadas pelos ataques contra elas. O que motiva um homem a estuprar e matar uma mulher, nao é a mulher, gente. Tudo bem, agora to mudando de assunto. Acho que um puxa o outro.


    Os homens que moram fora do país, Rose, sao diferentes. Eles agem e pensam diferente, porque viram outras culturas e mts aprenderam com elas.

    Olha meninas, nao falei e nunca vou falar que TODO brasileiro é sem vergonha. To falando que mts sao e isso é mt aceitável por nós como algo normal. Minha gente, minha mae sofreu com os maridos dela. Porque todos tinham essa consciência podre de que mulher é mercadoria. E isso gente, é fato! Nao to colocando rótulos, mas falo por experiência. Eu mesma conheco mts bons homens no Brasil, tenho duas irmas mt bem casadas com homens maravilhosos, que sao o esteio da familia e sao super bons pais. E ja vi mulheres alemaes, aqui, falando mal dos homens alemaes (mas por outros motivos).

    Enfim, essa postagem foi pra mim um desafio, porque eu sabia que haveria discordância. É pra pensar mesmo

    E se algém quiser se aprofundar mais em assuntos como esses, recomendo lerem o blog da "Lola, escreva Lola"

    Bjs gente. Gostei mt da discussao que o post provocou. Valeu.

    ResponderExcluir
  13. Nina
    Hoje me deu vontade de ler todos os comentarios.
    Voce colocou o pessoal pra pensar mesmo!
    Eu nao vou dar meu palpite pois nao conheço nenhum alemão.
    Ha mentira conheço um casal de alemaes que moram em santo antonio.
    Eles são maravilhoso póis além do filho legitimo que tiveram adotaram duas crianças moreninhas.
    E eles sao uns amores. Como pais sao meio largados. deixam as crinaças com os amigos para sairem a noite, mas são presentes nas reunioes de pais e na educação dos pequenos que saõ brasileiros mas falam alemão.
    Me disseram que estão retornando pra Alemnaha.
    Agora homens bons são meus irmãos.
    Eles são educados que nem os alemaes.
    Pode perguntar pras minhas cunhadas.
    E o meu cunhado? E excelente pois alem de cuidar da minha irmã ainda nos levou pra passar uma temporada na casa dele em Oliveira.
    Estamos indo: Mamae, eu e Andrea até alugarmos uma casa.
    Quem tem cunhado melhor?
    Um abraço viu Nina.
    E olha que eu não ia comentar!
    com amizade e carinhod e MOnica

    ResponderExcluir
  14. oi Nina!
    este post é realmente pra refletir...
    Eu graças a Deus tenho um bom marido, alias um ótimo marido. Carinhoso, bom coração, ótimo pai, ótimo marido!
    Agora poderei fazer comparações apenas quando conhecer os alemães e ver de perto isso que você explanou...
    beijos e bom fim de semana

    ResponderExcluir
  15. Existem homens e homens, isso em qualquer lugar do mundo, eu acho!
    Uns mais afoitos, outros mais comedidos ..... mas, homens.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  16. Aieeee Nina .... você me deixou curiosa agora, fiquei morrendo de vontade de encontrar um alemão para ter essa experiência. Realmente aqui no Brasil a coisa ficou desleixada dimais, homem educado não malicioso é raridade e está em extrema extinção!
    Como você disse "É bom não ficar se sentindo um pedaço de carne na frente de homens babando", claro que tem aquelas que saem na rua pra isso também né mas, acredito que no geral as mulheres sentem repúdio a isso. Incomoda nos homens brasileiros a infantilidade, nossa como incomoda, verdadeiros marmanjos tendo comportamento de moleque, haja paciência!!!!.
    Eu sempre tive a impressão que deve ser vinda do meu pouco contato com alemães de que eles fossem durões, militares (dale Hitler kkkkk), autoritários mas agora meu campo de visão aumentou. Fico feliz que eles sejam educados e simpáticos assim, simpatia e educação cativam qualquer um =)

    ResponderExcluir
  17. Eu sei que farinha do mesmo saco, se mal acondicionada, apodrece...rs. Trabalhei um tempo com alemães e dentro dos setores, haviam de vários tipos. Mas uma coisa eu aprendi; se você fica quieta diante de uma crítica, eles se aproveitam. Mas se você demonstra conhecimento e "Grita" seus direitos, eles se calam. Acho graça nessa atitude e admiro, porque mesmo que você não queira comparar, o homem brasileiro não gosta de perder para uma mulher e não se calam. Eles simplesmente, retrucam, retrucam, até perderem a noção e parecerem infantis.
    Bom domingo! Beijus,

    ResponderExcluir
  18. Nina, assino embaixo.
    Também acho o homem alemão muito respeitador, discreto e romântico. Romântico de uma forma que o brasileiro não consegue ser por ter suas demandas "carnais" tão afloradas. Claro, toda generalização é injusta, mas estamos falando aqui da maioria.
    No aspecto da objetividade, não me adaptei bem. Gosto de verdades, mas que sejam bem ditas. Eu sofri muito com isso no meu antigo relacionamento.
    Beijos linda!
    Márcia

    ResponderExcluir
  19. nina
    que bom ler estas linhas sobre os alemaes
    estou noiva do meu erich ha quase um ano e estava pensando que eu era louca ou estava sonhando...
    ele é assim mesmo tao fofo tao meigo tenho 46 anos , nunca me casei por opçao de vida...mas agora achei minha cara metade
    sim vc tem todaaaaaaaaa razao, somente quem conheçe e pode viver de perto com eles entende o tao diferentes eles sao...
    obrigado por me fazer sentir que nao estou sonhando e que esse meu alemaozinho é assim mesmo tao meigo e tao doce...
    bjao nina e boa sorte

    ResponderExcluir
  20. oi drasabrina, pena nao ter seu email pra responder. Desejo toda a sorte do mundo com seu querido!
    Um bj grande

    ResponderExcluir
  21. Desculpem, mas nao resisti e quero deixar registrado que o pior tipo de homem que existe e o italiano, eles te chifram sem cerimonias, machistas e preconceituosos como nunca vi. O homem brasileiro e muito melhor que o Italiano. Sobre ps alemaes nao tenho nada a dizer..

    Sandra

    ResponderExcluir
  22. As varias e discrepantes diferencas entre aqui e o Brasil, ne Nina!? E assim mesmo...

    ResponderExcluir
  23. Olá!

    Adorei o que você comentou sobre o homem alemão! Namoro um alemão há 2 meses, nos conhecemos no trabalho e 2 dias depois ele voltou para Alemanha, começamos a namorar pela internet há 2 meses. Eles é fantástico, doce, gentil, educado, muito inteligente, muito romântico e totalmente oposto de todos os brasileiros que conheci. Fiquei muito surpresa, pois imaginava que todos os alemães fossem frios.
    Enfim, concordo em tudo o que você falou, inclusive que tem outros que não são tão bons assim.
    beijos

    ResponderExcluir
  24. olha,vou ate concordar que eles sao mais discretos. ok. ate ai tem razao. estou aqui tarde da noite. explodindo de raiva. gente esses homens alemaes simplesmente nao funcionam sexualmente, o que acontece com essa gente. nao é possivel. nao quero ser grosseira, nem falar baixarias.. simplesmente o negocio nao funciona. poxa homem jovem 40 anos.O QUE É ISSO; E nao é o primeiro alemao que conheco. Será essa o que que acontece. POxa coisa mais irritante uma muher comecar ter uma relacao.. coloca a mao no "negocio" ta la aquela coisa morta. POxa... irrita.. demais, e eles ainda ficam com raiva e nos chamam de incompreenssivas. Agora.. o cigarro e o computador.. eles nao vivem sem. Ahh nao.. desesperador.. Para que eu vou querer um homem desses? passando mal estou.

    ResponderExcluir
  25. Olá. É a primeira vez q te visito. Estava a procura de uma ajuda... Li seu comentário sobre os homens alemães e confesso que hj penso o contrário de vc. Tenho dois anos de namoro com um alemão e já tive namorados brasileiros ruins, mas esse alemão superou todos eles. É estúpido comigo e família, amigos, tanto q já passei muita vergonha por causa dele. Ele mora aqui no Brasil e morei uns meses com ele, foi horrível, todo dia ele me colocava pra fora dizendo q a casa era dele, etc. Também já paquerou outras mulheres na minha frente, até minha irmã! E ainda tem a cara de pau de falar mal dos homens do Brasil, sendo que consegue ser pior que eles. Ele tb fala muito mal da Alemanha, fica muito nervoso muitas vezes e tenho até medo dele... Preciso terminar o namoro, porque ele só me faz mal, e agora psicologicamente também. Acho que ele tem algum distúrbio mental, porque às vezes desliga o celular por até dois, três dias, ou não retorna as minhas ligações, sinto que ele me trata igual uma qualquer. E não sou, sou graduada, faço aulas no mestrado e estou a procura de um emprego melhor. Mas ainda não consegui terminar esse namoro, mas espero consegui. Só resolvi escrever para quem sabe receber um conselho. Perdoe-me quem conhece um alemão de outro jeito, mas esse que eu conheci... Deve ser porque não tenho sorte, nem com os homens estrangeiros... Até!

    ResponderExcluir
  26. Olá, vc que escreveu como anonima, eu acho que vc está sim com o homem errado. Ele está dando toda a sinalizacao necessaria de que nao merece estar com uma garota como vc. Homem,independente de ser brasileiro, chinês, alemao, alienigena até (se houver homens por la), enfim, o que seja,nao deve desmerecer a mulher que tem, ou a familia e amigos dela e mulher, sendo "uma qualquer" ou nao,nao deve aceitar certo tipo de comportamento. eu entendo mt bem o que vc fala,querida, ja passei por isso, nao com alemaes, gracas a Deus... por isso escrevi esse post, porque eu acho o povo aqui é mt simpatico e bom e os homens sao na media,mt mais respeitadores que os nossos daí.
    Mas é certo que esse cara nao bate bem da bola, se manda garota! Ele nao te merece. Arrume sua vida e deixe-o,homem que paquera a propria cunhada pra mim é lixo!

    Porem, nao se prenda a preconceitos. Ele é um alemao atipico, em certos pontos. Mas olha, aqui as pessoas costumam tbm falar mal do país, é normal, viu? A gente nao fala mal do Brasil?? entao???

    A única coisa que posso te dizer,ja disse antes, caia fora! desista desse cara, ele nao vai mudar. Quem tem que mudar é vc.

    Eu mudei, se eu que tava toda ferrada, consegui, porque vc nao??
    ne?

    Um beijo e sorte.

    ResponderExcluir
  27. Aii que delícia esse Blog meu Deus! inclusive esse assunto, pois sou apaixonada pela Alemanha e tudo o que diz respeito. Eu conheci um alemão na internet antes de existir Orkut e Facebook, nos conhecemos através de uma sala de bate papo da AOL em meados de 2001. A educação e a doçura dele mexeu comigo. Uma educação, uma fineza que parecia ser filho de realeza de tão doce e fino. UM verdadeiro "Gentleman". Passou um tempo, eu arrumei um namorado, fiquei um tempo sem net e perdi totalmente o contato com ele. Somente agora, no final de 2011, onde eu tinha terminado recentemente com o meu namoro, o reencontrei no facebook. Só então trocamos fotos. Ele não é nenhum Jude Law, tampouco tem olhos claros, e é carequinha da silva (risos) mas tem um sorriso encantador, e pra falar a verdade ainda que ele fosse um velho e feinho eu iria querer conhecê-lo do mesmo jeito, pois esse jeito diferente dos homens brasileiros realmente me deixou encantada. Ele mora em Leipzig e até hj conversamos pelo Skype Facebook. Porém, apesar de toda educação ele não demonstra muito interesse em me conhecer. :( Estamos no ano de 2013 e eu sinto que empolgação de qdo nos reencontramos acabou da aprte dele. Ele me chamava para conversar pelo Skype todos os dias, Usávamos o tradutor do google para conversar, hoje ele me chama muito pouco no skype. Não sei se a dificuldade da comunicação desanimou ele, (creio que não) mas, enfim, embora muito educado e carinhoso eu o sinto muito mais distante. Qdo ele me vê online no Facebook, sempre me manda uma msg pelo imbox me desejando bom dia, boa noite, boa semana e sempre me chamando de meu amor... mas é só isso. Uma relação de educação apenas. :( - Bem , só sei que mesmo com o coração meio tristinho por isso, eu ainda tenho esperança de encontrar um homem como você descreveu, seja ele alemão ou não. Já sofri muito por traições e mentiras de homens brasileiros e apesar dos meus 48 anos(ele tem 42), ainda sonho em conhecer alguém especial assim. Só não pode ser apagado na cama como a amiga anônima descreveu...rsrs embora eu não seja nenhuma louca por sexo (acho que sou normal) mas o negócio tem que funcionar na hora H né? Bom, desculpe se falei demais, só sei que seu blog é muito interessante mesmo, Amei!
    Beijos e saudações do povo de São Paulo - Brasil.

    Nina, meu email é tvs303@yahoo.com.br Bjss

    ResponderExcluir
  28. Oi Nina entrei aqui por um acaso rsrs interessante, estou pssando meio que por uma crise nesse momento com um alemãozinho que conheci ai rsrs

    Olha achei interessante o q vc escreveu e concordo, porém creio q deve acrescentar que eles são um pouco pegajosos qndo gostam de alguém. Não sei se é porque aqui no Brasil nós mulheres meio q aprendemos a nos defender da forma q podemos, mais sei lá acho q eu do lado dele sou uma bruta rssrs
    Sexta da semana passada foi o ultimo dia q ele me ligou e muuito triste pois disse que eu não estava feliz com o amor q ele tinha por mim. Fiquei meio sem o que falar. Somos muito diferentes, tipo o conheci pela internet, ele fala muito bem portugues, pois viajou muito para o Brasil, conversamos ha mais de 1 ano já. Ele mora em Berlim e tem uma empresa de moda em Dusseldorf e tem 50 anos de idade, eu..rsrs negra, 26 anos de idade (não q isso seja problema) estudante e moro no Brasil. Ele veio no fim do ano para o Brasil pra me conhecer, Vou ser sincera, ele é maravilhoso, Não é um galã de cinema rsrs mais tem seu charme, parece ter no max 40 anos
    Bem rsrs acabei mudando o foco rsrs mais tipo, acabei sendo eu mesma como sempre fui, essa mania de tentar se proteger se é q vc me entende, não q todos os homens aqui no Brasil sejam uns cafajestes rsrs mais a grande maioria faz com q tenhamos atitudes q não deveriamos generalizar..

    Olha parabéns pelo seu blog curti bastante. E desculpa se enrrolei muito no q escrevi rsrs sou assim mesmo um bocadinho confusa rsrs

    ResponderExcluir
  29. Ei meninas, valeu compartilhar suas experiencias. Essa postagem rende tantas visitas, que engracado... tem mt alemao espalhando amor e raiva nos coracoezinhos por aí heim? :-)

    Olha, nao se esquecam de pensar sempre que cada um é cada um. Que nao dá pra generalizar, falou? É certo que há particularidades mt acentuadas nos povos da mesma "raca" e mts diferencas, mesmo dentro dela. Entao, o lance é pensar mesmo que cada qual está no seu cada qual :-)

    Um bj no coracao de cada uma que comenta aqui.e nao desistam nunca do amor... esse sim, é o que importa, seja amando um alemao, um japones,um iraniano, um brasileiro, um cachorro, um papagaio, um gatinho, um peixe, vc mesma!!!!!

    ResponderExcluir
  30. Oi Nina , estive lendo seu comentário a respeito do homem alemão e achei interessante, me fez lembrar de um homem que uma amiga conheceu quando esteve em Frankfurt, era um homem gentil, um gentilemant, como ela mesma diz.
    Essa minha amiga voltou para o Brasil mais pensando no alemão, trocaram algumas cartas, até que nunca mais se viram, passado alguns tempos depois ela visitando o linkedin site profissional, ela o encontrou, mas não mexeu com ele, para que este não tenha má impressão dela ,como você mesma disse, são diferente dos homens brasileiros. Fica eu aqui torcendo por essa amiga que ainda pensa nesse homem mas não se aproximar.

    ResponderExcluir
  31. Oh Junio, olha o preconceito menino....olha pra frente amigo!

    ResponderExcluir
  32. Opa Nina, gostei muito desse poste. Procurei pela Internet algo que falasse sobre os homens alemães, pois conheci um esses dias e ele realmente é muito carinhoso e atencioso, diferente de muitos brasileiros. Mas não sei se ele quer algo sério, mal me responde no Facebook, nosso único meio de contato, pedi o Skype, mas ele ainda não me deu... enfim, gostei dele e queria manter a amizade pelo menos. Ele ainda está no Brasil, no mesmo lugar em que nos conhecemos e eu já voltei pra casa. Confesso que estou com muita vontade de voltar lá e passar pelo menos um dia com ele haha é isso

    ResponderExcluir
  33. Nina, legal o seu blog! Parabéns! Você vive na Alemanha ne?
    Olha, como você mesma disse,ainda teve sorte de não encontrar um alemão grosso! hehehehe
    verdadeiramente gente boa ou ruim, tem em qualquer lugar! Aqui no Brasil, tenho amigos verdadeiros milordes em relação a adoção de valores na vida e que tratam muito bem as mulheres ou qualquer ser humano!
    Ano passado, voltei a estudar idiomas e resolvi fazer uma imersão cultural para assimilar mais o meu aprendizado em idiomas! E vi gente de todo tipo, mas todo tipo mesmo. Eu te confesso que dentre alemães, americanos, ingleses e os latino americanos (quanto ao estudo do espanhol), quem mais me assustou foram os alemães. Eles me assustaram para valer! Os homens do senso comum me assutaram muitíssimo! Para te ser sincera de minha empreeitada em parceiros para praticar idioma, o único verdadeiramente um milorde, é o professor visitante da minha uni no Brasil, mas ele tem um filho interprete que é noivo de uma moça brasileira que conhecera na uni daqui. Agora, no restante, como eu conheci gente indelicada e as margens da pura grosseria, maioria 'monossilábica' que nem desenvolve assunto direito e o pior, hein, um destes do tipo monossilábico veio me dizer que 'todos os brasileiros que ele conhece são absolutamente superficiais'! E o pior você não sabe, este tal camarada foi o cara mais vazio que conheci em toda a minha vida e veio me dizer uma coisa dessas! Hahaha, enfim, agora segui o conselho de alguns amigos, intercambio só no Instituto Goethe!

    ResponderExcluir


  34. Hey Michela!

    um tem experiências sempre diferentes do outro mesmo né? Vivo sim na Alemanha, há quase oito anos, e como vc lembrou de mencionar, talvez seja sorte, ou sou apenas uma pessoa grandemente abencoada, por ser simplesmente gente boa e sempre ver o lado bom das pessoas, mas nesses anos de Alemanha, nunca tive uma experiência negativa (so uma vez com um primo do meu marido que como vc mesma notou, tal qual os outros alemaes, falam a verdade na cara... mas ali foi uma questao mt pessoal e sensivel da minha parte e insensivel da dele, que na verdade, acho que é um invejoso). Nunca fui mal tratada, nem desconsiderada.

    Mas uma coisa é fato, o povo aqui e mts dos europeus com quem ja conversei, costumam achar os brasileiros meio fúteis mesmo... teve um ingles que uma vez falou horrores dos exageros que as mulheres no Brasil fazem pela beleza... bom,nao podemos negar que um pouco de verdade está embutida aí, vc nao acha?

    ResponderExcluir
  35. Nem todos alemaos Sao gentil morro aqui ha 18 anos e pelas experiencias que ja vivi muintos falam pelo cutuvelos

    ResponderExcluir
  36. Nina,

    Respeito seu comentário e sua opiniao sobre o que teve de contato em sua vida, mas generalizar o homem brasileiro é algo que falta o respeito. Eu sou homem, moro na Alemanha e sempre tratei minha namorada como uma princesa!
    Enquanto ela morou no Brasil comigo, ela era um carinho só e eu sempre ficava ao lado dela cada minutinho do dia! Ao retornar para Alemanha, ela foi perdendo todo carinho e todo jeito de Amor brasileiro, toda preocupacao de como o outro vai se sentir ou nao, nao se coloca mais no Lugar do outro e isso é com mulher ou homem aqui na alemanha.
    A caracteristica do povo em si, é essa, existem alguns outros exemplos, existem sim! Mas ainda nao vi!
    Acho que alemanha é feita para pessoas perfeccionistas e que procuram sempre mais e mais de algo, sugar o limao até o máximo, até que o suco acaba ou se sinta cansado de se espremer.

    Ja o Brasil, nao temos essa mania de perfeicao (poderiamos ter um pouquinho de nada, afinal sempre haverá a busca do mais e mais perfeito enquanto a vida passa e o espirito na terra nao enobrece!), mas temos o Amor, o carinho, o se colocar no Lugar do outro, temos o sentimento de familia e sentimos falta, mostramos que sentimos falta!

    NUNCA deixaria um filho meu, ao fazer 18 anos, sair de casa só porque se acha grandinho pra encarar a vida!
    Aqui na alemanha, os jovens saem de casa nessa idade pois do contrario as meninas acham eles nojentos quando moram com a familia!
    Eu só fui saber disso quando cheguei aqui e fui vendo como as coisas sao!

    Entao Nina, Sou um homem e sou extremamente familia, sou 100% brasileiro, nao olho pra Bunda de mulher porque é dali que sai cocô! Olho nos olhos pra ver o caráter! Converso pra entender a personalidade! Respeito e dou apoio ao entendimento e ao significado de "somos todos irmaos perante os olhos de deus!"

    Tenho muitos amigos brasileiros que nao sao igual a mim e sabes o porque ? Decepcoes amorosas, primeiros amores que fizeram maldade e etc.

    O Brasil está mudando muito sua cultura e um dia estará mostrando que a imagem que se tem de lá era equivocada pois o brasileiro mudou!

    Eu nao deixo que ninguém venha falar algo do meu país!
    Ja ouvi de muitos muitos homens que as mulheres brasileiras vem pra cá em busca de um homem com dinheiro para que possa ter uma vida melhor! E aí, gosta de ser tratada assim ? com Interesse ?

    Tem mais, muitos muitos homens no Brasil estao mudados e prezam MUITO a familia, ter uma religiao, fazer seu trabalho pra manter sua familia e muitos deixam que a mulher cuide da familia enquanto ele fica no trabalho.




    Por fim, Nina, Tenho certeza que voce sabe que o alemao defende em muito o país dele, mesmo que ele diga que seja uma merda, no fundo se voce comentar algo, ele vai dizer um "o porque as pessoas fazem isso", tentando fazer com que voce entenda que nao é ruim como parece, tentando amenizar e muitas vezes virar o jogo pra Defender.




    Pense bem, se nao gosta mais do Brasil, nao critique! Se falar do Brasil e quiser criticar, aponte solucao.


    O mundo sobre critica cria pessoas depressivas e Sem motivacao, mas o mundo com um "eu vou te ajudar, estamos juntos!" Esse sim, é um mundo que se move pro bem.


    Tenha um bom dia e tenta lembrar que nosso país é o único que nao vende armas pra Guerras, nao vende químicos de Guerra, nosso país é o que acolhe todas as nacoes que estao sofrendo e ainda sim, o brasileiro (Sem o político) é um posso satisfeito.

    Um abraco brasileiro.

    ResponderExcluir

  37. Querido, fico pensando seriamente em um dia deletar essa postagem que escrevi há mais de dois anos... ela só me traz problemas. Fico impressionada como sou mal compreendida! Sabia que ela é a mais acessada de todo meu blog? Porque será?

    Vc nao acha realmente que as mulheres estao somente querendo ir atras de grana, certo? Sabe, eu nao estava atras de grana qd casei,conheci meu marido por acaso, e qd aceitei viver com ele casada legalmente e no religioso, estava atras de um relacionamento mais serio e que me trouxesse respeito. Ate aquele tempo, nenhum dos meus conterrâneos soube me dar esses requisitos básicos num relacionamento sadio. infelizmente. Se tivesse sido possivel, nao estaria casada com um alemao, e gracas a Deus, ate hoje pelo menos, posso dizer, muitissimo bem casada. Mas sabe de uma coisa, é verdade, conheco quem fez isso (se casar por interesse) e se deu mal. Mts vagam até hj solitarias com euros na bolsa,mas elas tbm tem dolares, ou reais. ou seja, elas estao em todo lugar. Provavelmente as que estao com reais na bolsa receberam e colocaram mts e mts chifres... Essas a vida tomará de conta.. espero em Deus que notem seus erros ha tempo.
    Sabia caro anonimo, que um dia vivi numa cidade de 60 mil habitantes no Brasil e que nunca, nunca mesmo,conheci um casal ali que nao tivesse um ou mais casos de traicao no casamento? Nunca Anonimo, querido, encontrei um casal sem esse terrivel mal que degrada aquilo que é mas sagrado pra Deus, o casamento e que nós, no brasil, brincamos como se fosse coisa de pouca importancia. Ahh Anonimo, vc ja conferiu os numeros de separacao aqui na Alemanha? Vc nao acha caro, que ha algo errado no modo como nós, brasileiros,lidamos com isso?

    Meu primeiro casamento está incluido nesse numero de casos de traicao... Isso nao é triste meu caro Anonimo?

    Fico imensamente triste em saber que esse post é o mais acessado aqui. Tenho tantas outras coisas bonitas pra falar, mas as mulheres estao a procura de algo a mais Anonimo... Sabe carissimo Anônimo (oooh como gostaria de saber seu nome pra nao te chamar assim) hj sou crista, convertida e tocada pelo Senhor Jesus. No tempo em que escrevi isso, mt coisa mudou, nao nos homens brasileiros nem nos daqui, mas em mim, internamente. Uma das coisas que aprendi crendo agora seriamente no meu Senhor e Salvador, é que o ser humano é que é um problema! Nao importa onde ele esteja ou de onde ele seja. Mas esse é um papo que levaria mt tempo até ser explicado... deixemos algumas coisas pra outra hora.

    Agora uma coisa é certa pra mim: vc carissimo Anonimo tao brabo comigo só porque cutuquei vc com vara curta (por favor, na proxima coloque seu nome querido) saiba: vc é sim,mesmo que lute contra essa verdade aqui, uma EXCECAO no Brasil! Vc e todos esses amigos que vc menciona aqui. Assim como excecao sao alguns homens que vejo de vez em quando aqui. Ora, Anonimo, qd estiver no Brasil, nao sejamos tolos, observe entao outros homens que nao sejam nem vc e nem seus amigos aqui comentados, e veja pra onde a imsena maioria olha qd uma mulher passa e veja se eu realmente exagerei. Note querido Anonimo e tente ser sincero consigo mesmo... pra onde os homens olham na mulher qd ela passa?? é pra alma dela? pros belos olhos pra ver seu carater como vc diz, pra sua capacidade intelectual, pra sua bolsa falsa luis vuitton? Sejamos honestos carissimo. E lembre-se, vc é uma excecao! uma excecao, entendeu?

    Ahh sobre sua namorada ter mudado, realmente é um problema. Os homens aqui geralmente tem medo delas, de sua independência, por isso talvez, o post seja tao acessado, ou seja, assim como as brasileiras estao interessadas, eles tbm estao. Cuide bem de sua namorada, elas costumam mesmo se deixar ser influenciadas pelas europeias. Ore por ela. Vc crê em Deus?

    Ah uma outra coisa, eu amo o Brasil. Pode nao lhe parecer, mas amo. Vc conhece um dizer na Biblia que diz que Deus acoita aqueles que ama? pois é ;-)
    O amor nao pode ser cego Anonimo!

    Abraco querido! fique com Deus

    ResponderExcluir